A exposição de trabalhos discentes como atividade didático-pedagógica no ensino de graduação em design

Gustavo Cossio

Resumo


Este artigo apresenta a exposição de trabalhos acadêmicos como possibilidade de reflexão para o ensino do design. A fundamentação teórica do estudo busca introduzir o campo do design, para então abordar aspectos do design de exposição, bem como a especificidade da exposição de design. Em uma abordagem sobre a exposição como atividade didático-pedagógica, são analisados dois estudos de caso, com base em entrevistas semiestruturadas e levantamento fotográfico. A mostra FAUForma: designers refere-se aos trabalhos de conclusão de curso da Universidade de São Paulo – USP. Já a mostra Interiores em Cena apresentou o Curso de Design de Interiores da Universidade Feevale, em Novo Hamburgo – RS. Por fim, verifica-se que o caráter legitimador da exposição oportuniza educar, comunicar e informar sobre design, com o enfoque na divulgação da produção discente. Desse modo, salienta-se a sua contribuição para uma cultura de projeto e a socialização dos conhecimentos articulados no ensino do design.


Texto completo:

PDF

Referências


ANTONELLI, P. Design and Architecture: Paola Antonelli interviewed by Bennett Simpson. In: MARINCOLA, P. (Org.). What makes a great exhibition? Philadelphia Exhibitions Initiative, 2006.

BASSANI, J. A organização da exposição FAUForma: designers. Entrevista ao autor. São Paulo, 20 de setembro de 2011.

BONSIEPE, G. Design, cultura e sociedade. São Paulo: Blucher, 2011.

BORGES, A. A celebração do melhor momento do design brasileiro. In: BORGES, A. (org.). III Bienal Brasileira de Design. Curitiba: Centro de Design Paraná, 2010. v. 1.

BRAGA, M. C. A organização da exposição FAUForma: designers. Entrevista ao autor. São Paulo, 19 de setembro de 2011.

BRAGA, M. C.; COSTA, Z. C.; BASSANI, J. (org.). FAUForma: designers: mostra dos primeiros graduados do curso de design da USP = FAUForma: designers: exhibition of the first graduates in USP’s design course. São Paulo: Blücher, 2011.

BÜRDEK, B. História, teoria e prática do design de produtos. São Paulo: Blucher, 2010.

CARA, Milena. Do desenho industrial ao design no Brasil: uma bibliografia crítica para a disciplina. São Paulo: Blucher, 2010.

CARDOSO, R. O design brasileiro antes do design: aspectos da história gráfica, 1870-1960. São Paulo: Cosac Naify, 2007.

COSSIO, G. Design de Exposição de Design – três estudos sobre critérios projetuais para comunicação com o público. 2011. 203 p. Dissertação (Mestrado em Design) – Programa de Pós-Graduação em Design, Universidade Federal do Rio Grande do Sul – PGDesign/UFRGS. Porto Alegre, 2011.

CURY, M. X. Exposição – Concepção, montagem e avaliação. São Paulo: Annablume, 2006.

FERNÁNDEZ, L. A.; FERNÁNDEZ, I. G. Diseño de exposiciones: concepto, intalación y montaje. Madrid: Alianza

Forma, 2010.

FERREIRA, E. O projeto da exposição FAUForma: designers. Entrevista ao autor. São Paulo, 17 de setembro de 2011.

GONÇALVES, L. R. R. Entre cenografias: o museu e a exposição de arte no século XX. São Paulo: EDUSP, 2004.

LAKE-HAMMOND, A.; WAITE, N. Exhibition design: Bridging the knowledge gap. The Design Journal, Berg Publishers, v. 13, n. 1, 2010.

LEON, E. IAC – Primeira Escola de Design do Brasil. São Paulo, Blucher: 2014.

LEON, E. Design brasileiro quem fez, quem faz = Brazilian design who did, who does. Rio de Janeiro: SENAC Rio, 2005.

LOCKER, P. Exhibition Design. Lausanne: AVA, 2011.

LORENC, J.; SKOLNICK, L.; BERGER, C. What is exhibition design? Hove: Rotovision, 2010.

MALDONADO, Tomás. Design Industrial. Lisboa: Edições 70, 2009.

MARGOLIN, V. A política do artificial: ensaios e estudos sobre design. Rio de Janeiro, RJ: Civilização Brasileira, 2014.

MARTINS, L. N. Sobre a exposição Interiores em Cena. Entrevista ao autor. Novo Hamburgo, 09 de outubro de 2013.

NIEMEYER, L. Design no Brasil: origens e instalação. Rio de Janeiro: 2AB, 1998.

NOBORU, A. O projeto da exposição FAUForma: designers. Entrevista ao autor. São Paulo, 17 de setembro de 2011.

SOUZA, P. ESDI: biografia de uma ideia. Rio de Janeiro: EdUERJ, 1996.

SUDIJC, D. A linguagem das coisas. Rio de Janeiro: Intrínseca, 2010.

VAN CAMP, F.; FONTOURA, I. Bienais de design: primórdios de uma ideia. In: BORGES, A. (org.). III Bienal Brasileira de Design. Curitiba: Centro de Design Paraná, 2010. v. 2.

VIELITZ, S. Sobre a exposição Interiores em Cena. Entrevista ao autor. Novo Hamburgo, 09 de outubro de 2013.

WOLLNER, A. Textos recentes e escritos históricos. São Paulo: Rosari, 2003.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Acadêmica Licencia&acturas - (ISEI)

ISSN versão eletrônica: 2525-5754